Mangueira celebra 50 anos da carreira de Bethânia com luxo e muitos artistas

Mangueira celebra 50 anos da carreira de Bethânia com luxo e muitos artistas
Abre-alas com jatos de água e carcará gigante foram destaques alegóricos.
Bateria soltou chuva de confetes antes de entrar no recuo.

Mangueira celebra 50 anos da carreira de Bethânia com luxo e muitos artistas Porta-bandeira 'careca' chamou a atenção no desfile da Mangueira (Foto: Fabio Tito/G1)

Mangueira celebra 50 anos da carreira de Bethânia com luxo e muitos artistas
Porta-bandeira ‘careca’ chamou a atenção no desfile da Mangueira (Foto: Fabio Tito/G1)

Última escola a desfilar no Carnaval do Rio, a Mangueira pisou na Sapucaí às 4h30 da madrugada desta terça (9) com o segundo enredo musical da noite.

A verde-e-rosa homenageou a cantora Maria Bethânia, que já passou pelo sambódromo uma vez, quando a escola fez desfile sobre os Doces Bárbaros em 1994.

Na busca pelo título do Grupo Especial, conquistado pela última vez em 2002, a Mangueira celebrou os 50 anos de carreira da cantora baiana, fechando a noite com um desfile de luxo e sofisticação, além da presença de muitos artistas.
A homenageada veio no último carro, ao lado de duas afilhadas. Logo em seguida veio o público, que tomou conta da avenida e foi atrás da verde-e-rosa.

Deixe uma resposta