MÉXICO O México confirmou o primeiro caso de microcefalia ligada ao vírus Zika, informou o Ministério da Saúde na sexta-feira.

Um mosquito Aedes aegypti é retratado em uma folha em San Jose, Costa Rica, 1 de Fevereiro de 2016. REUTERS / Juan Carlos Ulate / File Foto
Um mosquito Aedes aegypti é retratado em uma folha em San Jose, Costa Rica, 1 de Fevereiro de 2016. REUTERS / Juan Carlos Ulate / File Foto

O México confirmou o primeiro caso de microcefalia ligada ao vírus Zika, informou o Ministério da Saúde na sexta-feira.
A criança afetada, uma menina, nasceu prematuramente em 5 de novembro de 2016, e morreu no momento do nascimento, disse o ministério em um comunicado. Entre novembro de 2015 e janeiro deste ano, foram confirmados 7.634 casos de infecção por Zika, acrescentou o ministério.

(Reportagem de Lizbeth Diaz)

http://redealmeidense.com.br/saude/wp-content/uploads/2017/02/microcefalia-de-Zika.jpghttp://redealmeidense.com.br/saude/wp-content/uploads/2017/02/microcefalia-de-Zika-150x150.jpgsaude-brasilZicaconfirma,México,primeiro caso de microcefalia de ZikaMÉXICO O México confirmou o primeiro caso de microcefalia ligada ao vírus Zika, informou o Ministério da Saúde na sexta-feira. O México confirmou o primeiro caso de microcefalia ligada ao vírus Zika, informou o Ministério da Saúde na sexta-feira. A criança afetada, uma menina, nasceu prematuramente em 5 de novembro de...Com todas as novidades do mundo científico