No Centro de Visitantes, pode-se solicitar a visita acompanhada, bem como obter informações em diversos idiomas. O espaço também é utilizado como local de exposições de arte.

Centro de Visitantes
O seu nome é uma homenagem ao naturalista brasileiro João Barbosa Rodrigues, diretor da instituição entre 1890

Aleia Barbosa Rodrigues

O seu nome é uma homenagem ao naturalista brasileiro João Barbosa Rodrigues, diretor da instituição entre 1890 e 1909. Aléia principal do jardim, constitui-se no seu cartão de visitas, ladeada por imponentes palmeiras-imperiais (Roystonea oleracea (Jacq.) Cook).

A primeira muda de sua espécie a chegar no Brasil foi plantada pelo príncipe-regente dom João, em 1809. Para que o jardim botânico tivesse o monopólio dessa espécie, o então diretor Bernardo José de Serpa Brandão (1829-1851) mandava tirar e queimar todos os seus frutos. Entretanto, à noite, os escravos subiam na árvore, colhiam os frutos e vendiam, na clandestinidade. Esse primeiro exemplar viria a ser derrubado por um raio em 1972. Ascendia então a 38,70 metros de altura. O tronco foi preservado e encontra-se em exposição no Museu Botânico. Em seu lugar, foi plantado outro exemplar, a “Palma Filia”. No local encontra-se hoje um busto de D. João VI, de autoria de Rodolfo Bernardelli.

O Centro dos visitantes

http://redealmeidense.com.br/rio-de-janeiro/wp-content/uploads/2017/06/Rio-de-Janeiro.jpghttp://redealmeidense.com.br/rio-de-janeiro/wp-content/uploads/2017/06/Rio-de-Janeiro-150x150.jpgrjRio de JaneiroNo Centro de Visitantes, pode-se solicitar a visita acompanhada, bem como obter informações em diversos idiomas. O espaço também é utilizado como local de exposições de arte. Aleia Barbosa Rodrigues O seu nome é uma homenagem ao naturalista brasileiro João Barbosa Rodrigues, diretor da instituição entre 1890 e 1909. Aléia principal...Todas as Notícias do Rio de Janeiro - Brasil