França e Índia irão cooperar em acordo sobre mudanças climáticas, Paris irão cooperar na luta contra as mudanças climáticas, apenas dias depois de os Estados Unidos se retirarem do acordo de Paris.

Manifestantes protestam em frente ao Portão de Brandenburgo
Manifestantes protestam em frente ao Portão de Brandenburgo

Por Geert De Clercq

PARIS (Reuters) – O presidente francês Emmanuel Macron e o primeiro-ministro indiano Narendra Modi afirmaram, neste sábado, que seus países irão cooperar na luta contra as mudanças climáticas, apenas dias depois de os Estados Unidos se retirarem do acordo de Paris.

Modi, cujo país é o terceiro maior emissor do mundo, disse, na Rússia, na sexta-feira, que continuará a apoiar o acordo de Paris, e Macron afirmou que ele é irreversível, apesar da retirada dos EUA, anunciada pelo presidente Donald Trump.

“A proteção do meio-ambiente e da mãe natureza é um artigo de fé”, disse Modi, em uma entrevista coletiva conjunta com Macron, em Paris.

“Estamos os dois convencidos que nossos países têm muito a fazer para a transição ecológica e ambiental e na luta contra o aquecimento global”, disse Macron, acrescentando que a França irá além dos seus compromissos com o acordo de Paris.

Macron afirmou ainda que a aliança levará a medidas concretas a favor da energia solar e compromissos de empresas das duas nações.

A aliança busca mobilizar mais de um trilhão de dólares até 2030 e reunir até 100 países ricos em energia solar para entregá-la a algumas das nações mais pobres do planeta.

(Reportagem adicional de John Irish)

http://redealmeidense.com.br/noticia/wp-content/uploads/2017/06/Manifestantes-protestam-em-frente-ao-Portão-de-Brandenburgo.jpghttp://redealmeidense.com.br/noticia/wp-content/uploads/2017/06/Manifestantes-protestam-em-frente-ao-Portão-de-Brandenburgo-150x104.jpgnoticiaUncategorizedFrança e Índia irão cooperar em acordo sobre mudanças climáticas, Paris irão cooperar na luta contra as mudanças climáticas, apenas dias depois de os Estados Unidos se retirarem do acordo de Paris. Por Geert De Clercq PARIS (Reuters) - O presidente francês Emmanuel Macron e o primeiro-ministro indiano Narendra Modi afirmaram,...Política - Economia - Negócios - Mercado financeiro.