Emirates:Emirates terminou o ano de 2014 como a companhia aérea com a maior frota de aeronaves de fuselagem larga do mundo, com um total de 218.

Emirates
Emirates ,terminou ,o ,ano ,de ,2014 ,como, a, companhia, aérea, com ,a, maior frota ,de, aeronaves,

Emirates terminou o ano de 2014 como a companhia aérea com a maior frota de aeronaves:

Emirates terminou o ano de 2014 como a companhia aérea com a maior frota de aeronaves de fuselagem larga do mundo, com um total de 218, além de 14 cargueiros. Seguindo dois anos consecutivos de entregas recordes e aumento de capacidade, a Emirates recebeu 27 aeronaves – 13 Airbus A380, 12 Boeing 777-300ER e dois Boeing 777 cargueiros – no ano passado. (Rede Almeidense.)

Saiba mais:

Tim Clark, presidente da Emirates Airline, destaca um período marcado
Emirates Airline, destaca um período marcado por uma série de desafios externos, como um período de 80 dias de operações reduzidas devido à atualização de obras em seu aeroporto hub

Isto inclui o 50º A380 e sua 100ª aeronave 777-300ER, reforçando a posição da Emirates como a maior operadora do mundo dos dois modelos. Estas aeronaves modernas e eficientes não só ajudam a reduzir o impacto ambiental, mas também permitem que a Emirates ofereça as mais modernas instalações.

Tim Clark, presidente da Emirates Airline, destaca um período marcado por uma série de desafios externos, como um período de 80 dias de operações reduzidas devido à atualização de obras em seu aeroporto hub, em Dubai, os conflitos regionais que impactaram as operações e rotas aéreas, o surto de ebola, as flutuações dos preços do petróleo e taxas de câmbio, e a incerteza econômica em muitos mercados do mundo inteiro. Apesar de tudo isso, segundo o executivo, a Emirates tem continuado a crescer, aumentou a sua capacidade em algo equivalente a uma companhia aérea de médio porte e manteve as taxas de ocupação.

“Nós também expandimos e fortalecemos a nossa rede global, o que nos dá a flexibilidade para lidar com choques regionais e nos reorientar estrategicamente para maximizarmos as oportunidades. Temos que lidar com os desafios de curto prazo, mas não nos distraímos de nossos planos a longo prazo. É por isso que a Emirates continua investindo fortemente em novas tecnologias e iniciativas para aumentar a oferta de produtos e melhorar ainda mais a experiência do cliente”, afirmou Clark.

Crescimento e conectividade

Desde janeiro de 2014, a Emirates já transportou mais de 45 milhões de passageiros, operando em média, 3.516 voos por semana. A companhia aérea também transportou mais de 2,1 milhões de toneladas de carga, servido mais de 47 milhões de refeições e voando 756 milhões de quilômetros – o equivalente a 18.552 voltas ao mundo.

A Emirates introduziu operações para oito novos destinos este ano, com cada novo ponto aumentando exponencialmente o número de combinações de pares de cidades que a companhia oferece aos seus clientes de lazer, de negócios e de carga em toda a sua rede global. As novas cidades que passaram a ser atendidas em 2014 foram: Kiev, Taipei, Boston, Abuja, Chicago, Oslo, Bruxelas e Budapeste.

Além disso, a Emirates acrescentou frequências para 20 destinos já existentes, aumentando as opções de voo para os seus passageiros. A empresa também lançou 10 novos destinos com o A380, incluindo Zurique, Barcelona, Londres Gatwick, Kuwait, Mumbai, Frankfurt, Dallas/Fort Worth, São Francisco, Milão e Houston. A Emirates opera, atualmente, sua aeronave carro-chefe para 32 destinos regulares. Em 2014, a companhia aérea também levou o A380 para operações pontuais em Glasgow, Manila, Teerã e Viena.

Na frente de cargas, a Emirates SkyCargo teve um ano importante com a mudança de suas operações de Dubai World Central (DWC) para o Aeroporto Internacional Al Maktoum, em maio.FotosFotos pelo mundo a escolha do editor. Aprenda mais!