A companhia analisará as medidas cabíveis e manterá o mercado informado”, destacou a Eletrobras.. Eletrobras diz que Justiça trabalhista suspendeu processo de desestatização da companhia.

Eletrobras diz que Justiça trabalhista suspendeu processo de desestatização da companhia
Eletrobras. Tribunal pediu que seja apresentado no prazo de até 90 dias

SÃO PAULO (Reuters) – A Eletrobras informou que o Tribunal Regional do Trabalho 1ª Região, em decisão de tutela de urgência, determinou que a companhia e suas distribuidoras “se abstenham de dar prosseguimento ao processo de desestatização”, segundo fato relevante divulgado ao mercado nesta terça-feira.

Conforme a elétrica, o Tribunal pediu que seja apresentado no prazo de até 90 dias “estudo sobre o impacto da privatização nos contratos de trabalho em curso”.

“A companhia analisará as medidas cabíveis e manterá o mercado informado”, destacou a Eletrobras.

Por José Roberto Gomes; Edição de Flavia Bohone

http://redealmeidense.com.br/wp-content/uploads/2018/06/eletrobras-1024x672.jpghttp://redealmeidense.com.br/wp-content/uploads/2018/06/eletrobras-150x99.jpgRede AlmeidenseNoticiaA companhia analisará as medidas cabíveis e manterá o mercado informado”, destacou a Eletrobras.. Eletrobras diz que Justiça trabalhista suspendeu processo de desestatização da companhia. SÃO PAULO (Reuters) - A Eletrobras informou que o Tribunal Regional do Trabalho 1ª Região, em decisão de tutela de urgência, determinou que a companhia...