Conselho da BR Properties aprova oferta pública primária de até R$955 milhões, previsto para ser iniciado no dia 18 de julho, pode ser suspenso para que a Casa possa apreciar uma eventual denúncia contra o presidente Michel Termer.

Conselho da BR Properties aprova oferta pública primária de até R$955 milhões
Conselho da BR Properties aprova oferta pública primária de até R$955 milhões

SÃO PAULO (Reuters) – O conselho de administração da empresa de imóveis comerciais BR Properties BRPR3.SA aprovou a realização de oferta pública de distribuição primária de ações, com esforços restritos de colocação, em operação que pode movimentar até 955 milhões de reais, informou a empresa em fato relevante nesta sexta-feira.

Serão ofertadas, inicialmente, 94.701.608 ações ordinárias, que podem ser acrescidas de um lote suplementar de até 15 por cento, ou 14.205.241 ações, conforme o documento.

Tendo como indicativo o preço de fechamento de 14 de junho, de 8,77 reais por ação, a transação pode movimentar cerca de 955,1 milhões de reais, assumindo a colocação integral das ações inicialmente ofertadas e de todo o lote suplementar.

O processo de bookbuilding começa nesta sexta-feira e será encerrado em 29 de junho, de acordo com o cronograma da oferta no prospecto preliminar. As ações ofertadas tem início de negociação previsto para 3 de julho.

Em 2 de junho, a BR Properties admitiu em comunicado ao mercado que estava em “tratativas com seus assessores” para realização de uma possível oferta de ações.

(Por Gabriela Mello)

http://redealmeidense.com.br/wp-content/uploads/BR-Properties.jpghttp://redealmeidense.com.br/wp-content/uploads/BR-Properties-150x113.jpgRede AlmeidenseNoticiaConselho da BR Properties aprova oferta pública primária de até R$955 milhões, previsto para ser iniciado no dia 18 de julho, pode ser suspenso para que a Casa possa apreciar uma eventual denúncia contra o presidente Michel Termer. SÃO PAULO (Reuters) - O conselho de administração da empresa de imóveis...Notícia de política e informações financeiras.