Ônibus são incendiados na RMF; homem é preso no bairro José Walter. Um homem foi preso suspeito de participação na ação criminosa, no bairro José Walter. Empresas recolheram os coletivos que estavam em circulação

Ônibus incendiado na Barra do Ceará
A Polícia Militar (PM) confirmou ataques nos bairros Barroso, Barra do Ceará e Edson Queiroz, em Fortaleza.

Dezesseis coletivos foram incendiados em Fortaleza e Região Metropolitana durante ataques criminosos nesta quarta-feira, 19. A informação é confirmada pelo Sindicato das Empresas de Transportes de Passageiros de Fortaleza (Sindiônibus). Um motorista teve queimaduras em uma das ocorrência. Equipes do Batalhão de Rondas e Ações Intensivas e Ostensivas (BPRaio) prendeu, até o momento, um homem suspeito de participação na ação criminosa e apreendeu uma arma de fogo, no bairro José Walter.

A Polícia Militar (PM) confirmou ataques nos bairros Barroso, Barra do Ceará e Edson Queiroz, em Fortaleza. Há ainda informações de ações no bairro Aerolândia, na Capital, e no município do Eusébio.
Segundo o major Hideraldo Belline, do 8º Batalhão da Polícia Militar (BPM), dois homens chegaram em uma motocicleta preta e jogaram cerca de cinco litros de gasolina dentro de um ônibus da empresa Vega. O coletivo estava parado no fim da linha, por trás do Fórum Clóvis Beviláqua, no bairro Edson Queiroz.

Os tenentes-coronéis Lima e Weberton, responsáveis pela área de patrulhamento do Barroso e da Barra do Ceará, confirmaram as ocorrências, mas não deram mais detalhes.

O comandante de Policiamento da Capital, coronel Francisco Souto, informou que a PM intensificou as abordagens nos principais corredores de ônibus da cidade, nos terminais e em paradas.
Motivação

Até o momento, não foi divulgada oficialmente a motivação para os ataques. O POVO Online apurou que as ações seriam represálias de medidas adotadas em presídios do Estado, nas últimas 24h, como transferência de presos. Procurada pela reportagem, a Secretaria da Justiça e Cidadania do Estado do Ceará (Sejus) não deu retorno sobre a transferência de detentos.

Terminais

O POVO Online entrou em contato com a Etufor, que informou que os terminais não serão fechados. Segundo o diretor do Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários (Sintro), Geraldo Lucena, a instituição não passou orientação para os motoristas recolherem os coletivos, mas que as próprias empresas teriam dado a ordem.

Sindiônibus

Em nota à imprensa, o Sindicato informou que trabalhadores e empresários estão aterrorizados diante dos ataques registrados nesta quarta. “Diante desses fatos, estamos envidando esforços junto às autoridades do Estado para que possamos ter segurança para restabelecermos o serviço de transporte de passageiros com a total preservação da vida de trabalhadores, usuários e do patrimônio das empresas”, comunicou.

http://redealmeidense.com.br/wp-content/uploads/Ônibus-incendiado-na-Barra-do-Ceará.jpghttp://redealmeidense.com.br/wp-content/uploads/Ônibus-incendiado-na-Barra-do-Ceará-150x109.jpgRede AlmeidenseNoticiaÔnibus são incendiados na RMF; homem é preso no bairro José Walter. Um homem foi preso suspeito de participação na ação criminosa, no bairro José Walter. Empresas recolheram os coletivos que estavam em circulação Dezesseis coletivos foram incendiados em Fortaleza e Região Metropolitana durante ataques criminosos nesta quarta-feira, 19. A...Notícia de política e informação financeira