Exclusivo: Tillerson planeja pular reunião da OTAN, visita Rússia em abril. Trump elogiou muitas vezes o presidente russo, Vladimir Putin, e Tillerso

Exclusivo: Tillerson planeja pular reunião da OTAN, visita Rússia em abril - fontes
FOTO DO ARQUIVO: O secretário de Estado dos EUA, Rex Tillerson, fala em Washington, EUA, em 6 de março de 2017. REUTERS / Kevin Lamarque / File Photo

O secretário de Estado dos EUA, Rex Tillerson, planeja ignorar uma reunião de 5 a 6 de abril de ministros dos Negócios Estrangeiros da OTAN para uma visita dos EUA ao presidente chinês e viajará para a Rússia no final do mês, disseram autoridades americanas nesta segunda-feira. As preocupações de Moscou antes das deles.

Tillerson pretende perder o que seria a sua primeira reunião em Bruxelas com os 28 membros da OTAN para assistir ao presidente Donald Trump, que esperava entre 6 e 7 de abril conversações com o presidente chinês Xi Jinping no resort Trump Mar-a-Lago na Flórida, disse.

As decisões de ignorar a reunião da OTAN e visitar Moscou arriscaram a alimentar uma percepção de que Trump pode estar colocando os negócios dos EUA com grandes potências antes daqueles de nações menores que dependem de Washington para sua segurança, disseram dois ex-funcionários dos EUA.

Trump elogiou muitas vezes o presidente russo, Vladimir Putin, e Tillerson trabalhou com o governo russo durante anos como executivo de topo da Exxon Mobil Corp e questionou a sabedoria das sanções contra a Rússia que, segundo ele, poderiam prejudicar as empresas dos EUA.

O porta-voz do Departamento de Estado, Mark Toner, não fez comentários imediatos sobre se Tillerson iria ignorar a reunião da OTAN ou visitar a Rússia. Dois funcionários dos EUA disseram que Tillerson planejava visitar Moscou no dia 12 de abril.

“Alimenta esta narrativa que de alguma forma o governo Trump está jogando footsy com a Rússia”, disse um ex-funcionário dos EUA que falou sob condição de anonimato.

“Você não quer fazer seus primeiros negócios com os grandes autocratas do mundo, você quer começar com as grandes democracias ea OTAN é o instrumento de segurança do grupo transatlântico das grandes democracias”, acrescentou.

Qualquer visita à Rússia por um alto funcionário do governo Trump será cuidadosamente examinada após o diretor do Federal Bureau of Investigation ter confirmado publicamente que sua agência estava investigando qualquer colusão entre o governo russo ea campanha presidencial de Trump de 2016.

Trump já tem antagonizado e preocupado os aliados da Otan, referindo-se à aliança de segurança ocidental como “obsoleta” e pressionando outros membros a cumprir seus compromissos de gastar pelo menos 2% do produto interno bruto na defesa.

Na semana passada, ele desanimou as autoridades britânicas ao ignorar um relatório da mídia, negado com força pela Grã-Bretanha, de que a administração do ex-presidente Barack Obama usou seus telefones durante a corrida da Casa Branca de 2016 com a ajuda da agência de espionagem britânica GCHQ.

Por Arshad Mohammed e John Walcott | WASHINGTON

http://redealmeidense.com.br/wp-content/uploads/2017/03/O-secretário-de-Estado-dos-EUA-Rex-Tillerson-fala-em-Washington.jpghttp://redealmeidense.com.br/wp-content/uploads/2017/03/O-secretário-de-Estado-dos-EUA-Rex-Tillerson-fala-em-Washington-250x172.jpgRede AlmeidenseNoticiaExclusivo: Tillerson planeja pular reunião da OTAN, visita Rússia em abril. Trump elogiou muitas vezes o presidente russo, Vladimir Putin, e Tillerso O secretário de Estado dos EUA, Rex Tillerson, planeja ignorar uma reunião de 5 a 6 de abril de ministros dos Negócios Estrangeiros da OTAN para uma visita...Notícia de política e informação financeira